Consumo de eletricidade caiu em agosto

A consultora Fundelec informou hoje que a demanda por energia elétrica caiu 2,1% em agosto em comparação com o mesmo mês de 2018. Usuários residenciais e comerciais registraram queda, enquanto os industriais tiveram um pequeno aumento.

FONTE: BAE Negocios

“O registro representa um ano completo de queda no consumo, que coincide com o colapso econômico da Argentina”, diz o documento da consultora.

“Com temperaturas ligeiramente inferiores às de agosto de 2018, este mês apresentou uma queda na demanda por eletricidade de -2,1%, em comparação com o mesmo período do ano anterior”, disseram eles.

A demanda total para o mercado atacadista de eletricidade (MEM) foi de 11.463,9 GWh, enquanto no mesmo mês de 2018 havia sido de 11.713,9 GWh1, informou o relatório.

A queda “ocorreu em usuários residenciais e comerciais, enquanto os industriais tiveram um ligeiro aumento”.

Ao analisar a atividade econômica nos últimos quatro anos, percebe-se que o PIB caiu -2,3% em 2016, enquanto a demanda aumentou apenas 0,2%. Em 2017, o PIB cresceu 2,9%, mas o consumo de eletricidade diminuiu -0,8%. Em 2018, houve uma queda do PIB de -2,6%, mas a demanda aumentou apenas 0,2%. Para este ano, a Fundelec estima uma queda do PIB de -2,9%, enquanto a demanda por eletricidade continuará com a tendência recessiva dos últimos quatro meses de 2018 e dos oito meses deste ano (-6%).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s