Cada argentino já deve US$ 6.310 pela dívida externa

A dívida externa da Argentina continua crescendo desmedidamente, aproximando-se de US$ 284 bilhões, o que equivale a um passivo de US$ 6.310 por cada cidadão do país, 72,5% a mais do que em dezembro de 2015.

FONTE: BAE Negocios

Além disso, a dívida externa teve um crescimento de 8,4% interanual no final do segundo trimestre, atingindo US$ 283,56 bilhões, de acordo com os dados mais recentes divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística e Censos (INDEC).

Esses dados indicam que a dívida externa cresceu 79% em dólares desde janeiro de 2016, no início da administração de Mauricio Macri, quando estava em 157,79 bilhões de dólares, segundo o INDEC.

Desde o início de 2016, a dívida cresceu 79%.

Por outro lado, em junho a dívida aumentou em 22 bilhões de dólares, em comparação com os 261,47 bilhões registrados no final do segundo trimestre do ano anterior.

No final do segundo semestre do ano, 62% da dívida corresponde ao governo, 26% a empresas não financeiras, famílias e instituições sem fins lucrativos, 8% ao Banco Central, 2% a depósitos e 1% para outras empresas financeiras.

Se a dívida total for dividida pelo número de habitantes do país ( 44.938.712 pessoa ), o resultado é que cada cidadão deve às organizações internacionais e credores privados cerca de 6.310 dólares, 72,5% a mais que os 3.658 dólares de dezembro de 2015, quando o país tinha 43.131.966 habitantes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s