Inflação de 2019 será de cerca de 54,6%

Os dados foram divulgados pelo Banco Central em sua Pesquisa de Expectativas do Mercado, realizada entre bancos, consultores e centros de investimento em novembro passado.

FONTE: Primereando las noticias

Faz parte dos fatores que encerraram o sonho da reeleição de Mauricio Macri e uma das principais dores de cabeça que Alberto Fernández terá assim que assumir a presidência na próxima terça-feira 10. A inflação parece estar enraizada na Argentina como poucas outras coisas e neste ano de 2019, o número projetado causa susto: 54,6%.

O valor, estimado por analistas privados, foi divulgado pelo Banco Central em sua Pesquisa de Expectativas do Mercado, realizada no final de novembro passado entre bancos, consultores e centros de investimento.

Segundo os mesmos dados, a inflação em novembro teria sido de 4,1%, quase um ponto a mais que os 3,3 registrados no mês anterior. Enquanto isso, especialistas  previram que o índice de dezembro ficará em torno de 4,3%. Da mesma forma, as fontes preveem “uma tendência de queda a partir do próximo ano, atingindo 3% ao mês em maio de 2020”, diz o relatório. Sob esse guarda-chuva, a expectativa de inflação para todo o primeiro ano de gestão do Alberto Fernández é de 43%.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s