Cientistas argentinos desenvolveram um teste para identificar anticorpos contra o coronavírus

Foi concluído em 45 dias e, segundo o ministro Roberto Salvarezza, “é mais robusto e confiável do que os testes que trouxemos do exterior”.

FONTE: El destape

Cientistas argentinos desenvolveram um teste para identificar anticorpos contra o coronavírus.

O ministro da Ciência, Roberto Salvarezza, anunciou que os cientistas argentinos já desenvolveram um teste próprio para medir anticorpos contra o coronavírus: “Ontem, o uso do primeiro teste foi permitido para identificar anticorpos contra o coronavírus desenvolvidos por cientistas argentinos”. “Em 45 dias, fomos capazes de desenvolver um teste sorológico”, afirmou.

Em declarações à Rádio El Destape, Salvarezza garantiu: “Em dois meses, podemos realizar 500.000 testes sorológicos no país, mais robustos e confiáveis ​​do que os que trouxemos do exterior”.

“Ter nossos próprios testes nos dá soberania em saúde”, disse o ministro, e que “a província de Buenos Aires já nos pediu 10.000 testes sorológicos”. “Esse esforço é sem fins lucrativos. O conjunto de testes estará disponível para o Estado Nacional”, enfatizou. Além disso, ele admitiu que “estamos muito perto de ter nosso próprio teste de diagnóstico com dois projetos, um do CONICET (Conselho Nacional de Pesquisas Científicas e Técnicas) e outro da UNSAM (Universidade Nacional de San Martín)”. Salvarezza afirmou que “esse teste sorológico foi validado por 5.000 determinações” e disse que “a líder do projeto é Andrea Gamarnik, virologista eminente em todo o mundo”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s